Início da Página
Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem
Enquete
Entre os eventos alusivos aos 50 anos da Fenavinho, qual melhor representa a Festa? Entre os eventos alusivos aos 50 anos da Fenavinho, qual melhor representa a Festa?
topo

Notícias

Casa das Artes sedia Espetáculo Alma Única

10/10/2017

Já em seu terceiro ano de realização, o espetáculo cênico-musical Alma Única realiza circulação por cidades do interior gaúcho entre outubro e dezembro. Em Bento Gonçalves, o público poderá conferir a apresentação no dia 12 de outubro, às 20h, com entrada franca, na Fundação Casa de Artes (Rua Herny Hugo Dreher, 127 - Planalto).

 

O espetáculo evoca o caráter expressivo e artístico da música e da dança, em sons, palavras e gestos, apresentando repertório clássico e popular, do erudito europeu ao tango de Piazzolla, visitando o colorido da nossa música brasileira com Pixinguinha e Villa-Lobos. Entrelaçando música de câmara e balé, Alma Única reúne destacados artistas, com atuação nacional e internacional: Rosimari Oliveira (soprano), João Batista Sartor (flauta transversal), Marcos Kröning Corrêa (violão), Leandro Petry Cardona (harpa) e Débora Brandt Alencastro (bailarina). Alexandre Silveira assina a direção cênica e iluminação.

 

A montagem do espetáculo surgiu do desejo dos artistas em harmonizar a sinergia artística que envolve a dança, o canto e a música de câmara, levando para o ambiente dos teatros e salas de concerto a possibilidade de uma apresentação intimista e poética, com a intensidade de um grande espetáculo.

 

O projeto Alma Única é realizado pelo Ministério da Cultura, por meio da Lei Rouanet, com patrocínio do Grupo Bremil e coordenação de Therezinha Petry Cardona.

 

ESPETÁCULO ALMA ÚNICA

Data: 12 de Outubro, quinta-feira

Local: Fundação Casa de Artes

Endereço: R. Herny Hugo Dreher, 127 - Planalto, Bento Gonçalves - RS

Horário: 20h

ENTRADA FRANCA

Classificação indicativa: livre para todos os públicos

 

Programa

Vários Preludio para violão solo

Giaccomo Puccini (1858-1924) O Mio Babbino Caro

Camille Saint-Saëns (1835-1921) Le Cigne

Henry Bishop (1786-1855) Lo! Here the Gentle Lark

Claude Debussy (1862-1918) Première Arabesque

Manuel de Falla (1876-1946) Siete canciones populares españolas - El pano moruno - Canción

Jacques Ibert (1890-1962) Entr’acte

Astor Piazzolla (1921-1992) Adiós Nonino - Historia del Tango - Night Club 1960

Dori Caymmi (n. 1943) Porto

João Pernambuco (1883-1947) Sons de Carrilhões

Pixinguinha (1897-1973) Lamentos

Jaime Ovalle (1884-1955) Azulão

H. Villa-Lobos (1887-1959) Bachianas Brasileiras n. 5, cantilena

 

Assessoria de Comunicação Social

Foto: Divulgação/SECULT/Bonella

 

Outras Notícias

Este website necessita da versão 8 do Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player